Pular ao conteúdo

Hotéis em Oslo

.  
.

Turismo em Oslo

A cida de de Oslo divide-se entre os bosques, fiordos e a modernidade, uma perfeita combinação, digna de ser visitada. A sua origem vem desde o ano 1000 e deve-se ao rei norueguês Harald, o decapitado. A cidade sofreu vários incêndios durante a Idade Média, depois de uma fusão com a Dinamarca (no século XVII) aí o rei Christian IV deu o nome a cidade de Christiana e construí uma fortaleza e uma cidade ao seu entorno. No século XIX, passa a ser a capital do Reino de Noruega e em 1925 recupera o nome original de Oslo.

O casco histórico, 700 anos de história através da sua fortaleza Arkershus (Akershus Festning) e o seu castelo medieval que foi transformado em palácio renascêntista durante o século XVII. Junto a fortaleza, virado para a zona oeste, podemos visitar o Centro do Prémio Nobel da Paz (Nobels Fredssenter),e a Câmara Municipal (Ràdhus) com as suas duas torres e um lugar onde se entrega o Prémio Nobel da Paz cada 10 de decembro. O Palácio Real (Det Kongelige Slott), que possui uma fachada neoclássica e é residência oficial da família real. Atrás do Palácio um pouco mais afastado, chegamos ao Parque das Esculturas (Vigeland), um de los mais visitados de Oslo, onde podemos visitar 212 esculturas de todos os tamanhos de Gustav Vigeland que retrata figuras humanas, na sua maioria crianças. Perto do grande edifício neo-romântico do Parlamento (Storting) do século XIX, temos a Catedral de Oslo (Oslo Domkirke),do século XVII que é de construcção barroca em que se destaca o órgão. Até a Estação de Ferros, encontramos o edifício recente da Ópera, inspirado numa imagem de gelo como se estivesse a submegir da água. O Museu Munch, magífico edifício que está na rua Tøyengata 53 e pode-se ver obras interessantes desse artista, tal como a pintura, o grito.

A pequena península de Bygdoy podemos aproveitar a visita da Nave Polar de Framm (Frammuseet) onde se pode ver as expedicções polares, o Museu do explorador Heyerdahl, Museu Kon-Tiki e o Museu dos Vikings que possui barcos da altura dos Vikings em muito bom estado de conservação. Nos arredores de Oslo, podemos ver o Museu de Esqui (Holmenkollen) que nos vai mostrando os 4000 anos da história de esse desporto e onde se pode utilizar a torre alta onde dão-se saltos.

Perguntas frequentes sobre Hotéis em Oslo

Os hotéis mais centrais em Oslo com melhores avaliações são: Hotel Continental, Hotel Bristol e Thon Hotel Rosenkrantz Oslo.

Depende da categoria del hotel; se queres alojar-te num hotel de 4 estrelas em Oslo, a noite custa em média 52 , enquanto que em um de 3 estrelas pagarás de média 51 , e em um mais luxuoso, de 5 estrelas, uns 141 de média.

Radisson Blu Airport Hotel, Oslo Gardermoen fica próximo ao Oslo-Gardermoen e o Hotel Torp perto do Oslo-Sandefjord Torp.

Podes reservar o teu alojamento em Hotel Continental, Hotel Bristol e Hotel Grand se estás buscando um hotel com serviço de estacionamento com manobrista para a tua estância em Oslo.

Se necessitas um hotel em Oslo adaptado para pessoas com deficiência, te recomendamos Hotel Continental, Hotel Bristol e Thon Hotel Rosenkrantz Oslo.

Os melhores hotéis em Oslo para ir com crianças segundo os nossos clientes são Hotel Scandic Solli e Thon Hotel Vika Atrium. Hotel Continental.

Se queres poupar tempo, os hotéis com check in e check out expresso em Oslo são Thon Hotel Vika Atrium, Hotel Clarion Collection Folketeateret e Hotel Voksenåsen.

Algumas das opções de hotéis em Oslo com quartos para não fumadores são Hotel Continental, Frogner House Apartments Skovveien 15 e Hotel Bristol.

Em Oslo,Hotel Continental, Hotel Bristol e Thon Hotel Rosenkrantz Oslo oferecem serviço de recepção 24 horas.

Se vais a levar carro, te aconselhamos que reserves um hotel em Oslo com estacionamento, como são Hotel Continental, Hotel Bristol e Thon Hotel Rosenkrantz Oslo.